10 de julho 2020

Será que você é multipotential?

Viva suas paixões, mas não pense que vai casar com cada crush do carnaval

Alguém já falou que você tem falta de foco?

Que você começa vários projetos e não termina nada?

Que você não sabe o que quer da vida?

Existe uma grande possibilidade do seu problema não ser falta de foco… na verdade o seu problema não ser um problema e sim uma característica. Você pode ser uma pessoa multipotencial.

Oi? 

Calma que a gente já explica. Talvez você nunca tenha escutado este termo, mas multipotencial é uma pessoa que desenvolve interesses por diversos assuntos, muitas vezes não relacionados, se atrai e começa a desenvolver habilidades diversas.

Pode ser que você comece um projeto ou um  assunto de estudos com toda a energia do mundo, jurando que será o grande amor da sua vida… e depois de algum tempo aquilo vá perdendo a graça e você queira fazer outra coisa.  

Você não está sozinha

Ser diferente pode ser muito legal
undefined

Isso acontece porque uma pessoa multipotencial tem justamente a necessidade de se expor, participar e experimentar uma variedade de atividades e tarefas. 

Se você está lendo esse texto até aqui, balançando a cabeça concordando, saiba que você não está sozinha. Nós aqui do Profissão Maquiador - Laura e Ana - somos multipotenciais e sempre tivemos aquela sensação de que tínhamos algumas características diferentes da maioria das pessoas ao nosso redor, só que ninguém tinha colocado um nome nisso.

E quando finalmente encontramos a definição de multipotencial, muitas coisas começaram a se encaixar e fazer mais sentido.   

Porque, não… não é todo mundo que adora aprender uma coisa nova, ou se oferece pra participar de um projeto novo. Muita gente, aliás, tem pavor disso. E adora a estabilidade e constância. 

O que acontece muitas vezes é que escutamos tantas vezes: “Ah, mais uma coisa que você não vai dar continuidade?”

Que ficamos traumatizadas pensando que se não levarmos pra vida toda tudo que decidimos começar um dia, mesmo que aquilo já não faça nenhum sentido para a nossa vida, não temos valor perante a nossa sociedade. 

E só quando você entende que isso é uma característica e não um defeito, você poderá usar a multipotencialidade ao seu favor. Olhe para dentro de você e comece a analisar os seus valores, seus interesses, aquilo que te atrai. Pode ser que em um primeiro momento parece que nada tem a ver com nada.

Mas com uma análise mais de perto, talvez você perceba que sempre se envolve com projetos criativos, ou que te conectam com outras pessoas, ou que você precise encontrar soluções inovadoras para os problemas. 

Mas porque vocês estão falando sobre isso?

Bem… porque a gente tem contato com a história de muitos maquiadores… e geralmente o maquiador já trabalhou com alguma outra coisa, ou ainda trabalha para conciliar com a maquiagem. E além disso, pode ter uma mente criativa e inquieta, sempre em busca de alguma coisa nova.

O nosso objetivo é fazer com que você olhe pra você novamente, com mais carinho. Olha essa palavra como é incrível: MULTI-POTENCIAL. Ou seja, são vários potenciais dentro de uma mesma pessoa. Enquanto tem gente que é criticado por não ter muito potencial, pode ser que você tenha sido criticada a vida toda por ter potencial demais! 

Essas críticas fazem com que você sinta que não se encaixa na sociedade. Justamente porque criamos um mundo onde até então o bom era ser hiper especializado. O que mais escutamos é que você precisa ser o especialista, o melhor em um único mercado específico, talvez em um nicho que você mesmo inventou.

E isso é resquício da sociedade com a mentalidade de produção de massa, de ser especialista em apertar parafuso, para que todos os parafusos sejam apertados perfeitamente com a mesma consistência… mesmo que você nunca tenha a oportunidade de ver o carro inteiro. 

Sou bom em tudo, ou em nada?

Como se entender como multipotencial
undefined

Um medo que pode passar na sua cabeça é: “Ah, mas aí eu gosto de várias coisas… então não serei nem um bom maquiador, nem bom em nada?”

Não é isso. São características diferentes. Talvez você não vá querer se aprofundar muitíssimo em um mesmo assunto dentro da maquiagem por muito tempo, mas estará muito mais aberta à se manter atualizada e pesquisar sobre assuntos relacionados dentro deste universo. 

E essas são habilidades que serão cada vez mais necessárias nessa nova forma de economia que acreditamos, mais colaborativa e integrada.

Nós acreditamos que muitas das soluções dos problemas mais cabeludos que encontramos, na verdade surgem quando ampliamos os nossos horizontes e adaptamos ideias similares usadas em contextos completamente diferentes. E enquanto você fica tentando se diminuir para tentar caber nessa caixa que a sociedade falou pra você caber, você perde a oportunidade de ser tudo o que você pode ser… e enxergar as possibilidades incríveis que talvez só você tenha a capacidade de ver. 

Você já parou para se perguntar: “O que realmente te satisfaz?” 

A resposta para esta pergunta pode ser libertadora. Afinal, mais do que tentar ser alguma coisa… deveríamos investir mais e energia descobrindo quem realmente somos e o que faz a gente se sentir viva e animada.

Assim, ao invés de tentar abraçar o mundo, você poderá escolher - mesmo que vários - projetos que passem pelo crivo do que realmente faz sentido pra você. 

Outro ponto que pode jogar muito a seu favor é que - como sempre falamos por aqui - a carreira de um maquiador não é feita só de um talento: saber maquiar bem.

Ao contrário, você precisa lançar mão e aprender diversas habilidades para saber construir os pilares que darão sustentação ao seu negócio.

Então quando dizemos que um maquiador precisa construir seu próprio site, tirar boas fotos, tratar essas fotografias, cuidar das redes sociais, cuidar do seu networking etc. um maquiador multipotencial vai ser dar muito melhor nessa empreitada, porque terá o interesse e a facilidade de aprender todas essas outras habilidades.  

Aliás, pro multipotencial é uma alegria descobrir que ele vai distribuir sua energia em diversas frentes de um projeto e não vai precisar fazer a mesma coisa todo santo dia.  

Não precisa atirar pra todo lado

Como não se perder sendo um multipotencial 
undefined

O que pode acontecer é você se identificar como multipontencial e passar a testar uma coisa nova por dia e realmente se pegar mais perdida do que nunca. Como falamos antes, o segredo é se conhecer, olhar para os seus interesses, seus valores e tentar separá-los em no máximo três grandes categorias. E essas serão as suas grandes prioridades.

Porque mais do que isso, a coisa pode ficar mais bagunçada. 

Pra quem gosta de muita coisa, pode parecer impossível essa tarefa. Mas fazemos o convite de fazer essa atividade e talvez você veja que de um modo ou de outro, os assuntos que te interessam se relacionam de alguma maneira.

Caso mesmo depois do exercício você encontre muito mais de três grandes categorias de interesse, você tem a opção de decidir no que vai colocar o foco primeiro… e deixar outros projetos que também gosta pra mais pra frente. Você pode se interessar por tudo o que quiser, só que talvez não consiga fazer absolutamente tudo ao mesmo tempo agora. E está tudo bem.  

Existem formas diferentes de encarar e viver a sua multipotencialidade. Afinal, se é pra ser diferente, pra que ser igual entre os diferentões, né? Pesquise mais, observe a si mesma e veja se você prefere fazer várias coisas paralelamente… ou se adoraria mudar de carreira a cada 10 anos, por exemplo. 

Outra atitude que pode ser muito saudável é estabelecer objetivos mais palpáveis e de curto ou médio prazo, se você entende que vive paixões avassaladoras com alguns assuntos, mas que mais cedo ou mais tarde aquele fogo vai passar.

Viva suas paixões, mas não pense que vai casar com cada crush do carnaval. 

 

Você não está sempre recomeçando do zero

Habilidades transferíveis 
undefined

O multipotencial, mesmo que inconscientemente, está construindo habilidades que poderão ser usadas ao longo da vida. Por exemplo, aquele semestre fazendo teatro pode parecer que não te ajudou em nada na carreira que você decidiu seguir agora.

Mas e a vergonha que você perdeu? A habilidade de falar em público? Entender sobre maquiagem para este segmento? 

Quando você olha pra trás, você entende que tudo está interligado e todas as experiências que você viveu te trouxeram até aqui.

Construíram não só a profissional, mas o ser humano que você é. Nada se perde. Todas as suas experiências te fazem um maquiador com um repertório mais rico, uma pessoa mais bem resolvida e com mais inteligência emocional. 

Pra resumir, não se sinta menor ou menos por já ter sido chamada de “fogo de palha” ou seus sinônimos. Isso pode ser indicação de algo incrível! 

Por isso, abrace quem você é. 

Aceite-se por completo, abraçando as suas paixões.

Abraçando seus diferentes momentos, com projetos que vem e vão. 

Quando você abraça todo o seu potencial, seja ele único ou múltiplos, a vida fica muito mais completa.

Vem conferir o vídeo dessa semana que conversamos "Já te chamaram de Fogo de Palha?" 



E você, se identifica com essas definições de multipotencial?

Ou se vê mais como uma pessoa focada com um único interesse?

A gente ama saber sua opinião. 

Um beijo.

@profissao.maquiador